sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Mais uma idade

Hoje vim falar sobre um assunto em que não gosto muito: aniversários. Eu não entendo muito essa ideia de que você esta comemorando quando se está ficando mais velha a cada ano. Mas também eu vejo o outro ponto de vista de que você ficou viva por um ano, e assim, em comemoração, geralmente fazemos festas de aniversário.

Bem, acho que em toda a minha vida eu tive festas de aniversário, e desta vez eu vou fazer 15 anos. Bem, como eu odeio fazer esse tipo de festa, eu me irrito com a pessoa sem sal que inventou essa taxa de que quando a menina faz 15 anos, tem que ter um festão e a mesma para os meninos quando completam 18 anos. Isso não faz sentido algum. Pois bem, voltando ao assunto, meus pais sempre comemoraram comigo, com um bolo e convidados, o dia do meu aniversário. Não que eu esteja me queixando disso, mas quando chega o dia deles, eles dão uma desculpa de que "não tem graça fazer festa para os velhos". Não só eles, como os meus milhares de tios, dizem as mesmas coisas.

Não acho isso correto, pois, independente da idade, acredito que todos têm que comemorar esse dia. Nem que seja sozinho, mas não devemos nos esquecer de que nós estamos ainda vivos e de que sobrevivemos a mais um longo ano de vida.

Bem, odeio, mas talvez mude de ideia, enquanto a festas de aniversário. Mas acho que todos nós devemos ficar felizes, ou até mesmo ter gratidão por termos sobrevivido durante um ano inteiro. Quando se soma mais um ano, não precisamos fazer grandes festas, mas sim, ficar feliz por ter ultrapassado mais uma idade.

PorBella